ArtigosEventos

Apresentação da Fujifilm Jet Press 750S na Floricolor

A convite da Tábua Digital, fomos conhecer a nova Fujifilm Jet Press 750S, o Rolls Royce do novo “offset digital”, à empresa gráfica Floricolor, em Perafita.

Este periférico gigante trata-se de uma impressora gráfica com tecnologia de jacto de tinta.

A apresentação deu-se nas instalações da Floricolor, uma empresa gráfica com 40 anos de experiência no mercado, que foca a maior percentagem do seu negócio na produção de álbuns de casamentos. O evento arrancou com uma apresentação da Fujifilm e outra da Floricolor, mostrando a união perfeita entre estes dois. O próximo vídeo servirá para conhecerem as duas empresas:

Num formato de Open Day, percorremos a linha de produção da Floricolor, que impressiona pela sua extrema limpeza e organização. Foi ainda possível ver a Jet Press 750S em funcionamento, com as suas imponentes 11 toneladas de tecnologia. Captamos uma apresentação técnica mais extensa junto do equipamento. Este é um vídeo bastante longo, mas com muitos detalhes sobre a Jet Press:

O último espaço do evento, ficou reservado para questões da imprensa, sendo que nenhuma dúvida ficou por responder.

A Jet Press 750S realmente impressiona, não só pelo seu tamanho. O meu background profissional é automação e estava a delirar com toda a tecnologia implementada neste modelo. A forma inteligente como reduz os tempos de setup e calibração, se mantém sempre disponível para trabalhar, o software de optimização de trabalhos (que chega a conseguir sugerir não fazer uma impressão!) e os reports automáticos para cada trabalho são magníficos. Não sou profissional na área da fotografia, e impressão muito menos, mas a Jet Press 750S tem em si funcionalidades que qualquer gestor de processo procura (será aplicável o termo Engenheiro de Impressão?), acompanhada de uma qualidade invejável e uma cadência formidável.

Galeria

Nota de imprensa

Portugal instala primeira Fujifilm Jet Press 750S na Europa

Floricolor aposta na mais recente impressora gráfica com tecnologia de jacto de tinta da Fujifilm para aumento de criatividade e produtividade
A empresa gráfica Floricolor é a primeira cliente da Fujifilm na Europa a ter em produção a premiada impressora gráfica B2 de jato de tinta Jet Press 750S. Este equipamento, com a capacidade máxima de impressão de 3 600 folhas por hora, permite uma maior flexibilidade e produtividade na impressão de trabalhos criativos.

A Floricolor, em conjunto com a Fujifilm, abriram as portas das suas instalações em Matosinhos para apresentar a mais rápida impressora gráfica a jato de tinta a 4 cores, demonstrando a versatilidade e capacidades de impressão únicas desta solução de impressão.

A Jet Press 750S é a terceira geração desta família gráfica de excelência e com resultados comprovados a nível mundial, permitindo aos seus clientes ganharem uma versatilidade de resposta para os mais diversos tipos e volume de trabalhos gráficos, capacidade de impressão de cores com extrema qualidade, sendo a mais rápida impressora gráfica do mercado.

Esta é também uma solução de impressão onde a Fujifilm procurou implementar toda sua tecnologia de suporte ambiental, onde consegue reduzir drasticamente os consumos de impressão através da possibilidade de reciclagem dos materiais de papel usados nas provas de impressão.

Ao longo dos últimos meses esta impressora tem vindo a arrecadar alguns dos mais relevantes prémios a nível mundial, como são o caso do 2019 Red Dot e do iF Design Awards, reconhecendo assim os elevados níveis de qualidade de fabricação e de design da mesma.

Floricolor adopta Jet Press para dar uma melhor e maior resposta ao mercado de impressão fotográfico

Para a Floricolor a decisão de compra da Jet Press foi tomada tendo como objectivo:

  • A Inovação: com este equipamento permite à Floricolor passar a oferecer ao mercado livros impressos em papéis diferentes;
  • A Velocidade: a velocidade de impressão da JetPress 750S é 30 vezes superior aos equipamentos existentes no parque produtivo da gráfica;
  • A Flexibilidade: a JetPress permite ganhar capacidade produtiva para entrar em novos mercados;
  • O Meio ambiente: com esta aquisição a Floricolor passou a ter uma solução de impressão que utiliza uma tecnologia incomparavelmente mais ecológica do que a impressão em papel fotográfico
  • A Qualidade: sendo a Floricolor um laboratório fotográfico que sempre foi reconhecido pela excelente qualidade de impressão, apenas fazia sentido investir para melhorar essa mesma qualidade

Tiago Yu, CEO da Floricolor refoça que este investimento serve para: “continuar no B2B, mas trabalhar também com agências e empresas que possam necessitar, por exemplo, de um catálogo de luxo com uma elevada qualidade de impressão e acabamento. Atualmente trabalhamos livros que são peças únicas – como os álbuns de casamento – mas trabalhar num mercado em que nos pedem 20, 30, 100 ou 500 livros é, para nós, muito interessante.”

Fonte: Tábua Digital

Previous post

ASUS ROG Strix, Dual e Phoenix GeForce GTX 1650 já disponíveis em Portugal

Next post

Samyang lança nova Tiny Series “Tiny but Premium” AF 45mm f/1.8 FE

Luís Alves

Luís Alves

Cargo: Fundador & CEO
Naturalidade: Santa Maria da Feira

Atualmente no 5º ano do Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica na FEUP (especialização Automação), licenciado em Engenharia Mecânica pelo IPV.

Sou o moda’a’foca original, um dos guru do modding e tecnologia em Portugal. Desde novo autodidata, sempre gostei de criar, inventar e inovar. Na base tecnológica gosto além do modding, de sistemas de refrigeração a água, hardware e um novo fascínio pela impressão 3D. Considero bastante importante a partilha de conteúdos e conhecimentos.

Desde Abril de 2014 podem também me encontrar na Rubrica PLUG da revista PCGuia todos os meses. Em Julho de 2017 fundei as Hashtag Dondoca, um projeto de Lifestyle no feminino em português onde sou director artístico.