AnálisesSoftware

Ubuntu Mate 15.10 – Visão Geral

Quem pensava que o Ubuntu seria apenas e só conhecido com o ambiente gráfico padrão Unity, está bem enganado, porque o Ubuntu Mate veio demonstrar o contrário.

Ubuntu Mate tem como base o Ubuntu e o Debian. Usa o ambiente gráfico padrão Mate, que é uma continuação do Gnome 2, com a vantagem de ter sido projetado para consumir o minimo de recursos do sistema, juntando a estabilidade do Ubuntu, com a performance do Mate.

O video que se segue resume em parte o potencial do Ubuntu Mate em:

  • Personalização

  • Programas instalados

  • Facilidade de navegação e instalação de novos programas

 

Artigo completo em linuxtech.pt

Previous post

PNY - PowerPack CL51

Next post

TP-LINK lança o primeiro router 802.11ad do mundo

xpect

xpect

Cargo: Linux Guy
Naturalidade: Lisboa

O meu nome é André Paula, tirei um curso Técnico Profissional de informática com especialização em manutenção de hardware, na Escola Profissional de Setúbal.

Considero-me curioso e autodidata em especial no ramo informático. Gosto de aprender coisas novas e estar sempre atualizado com as novidades tecnológicas.

Relativamente ao Linux, o meu primeiro contato foi na escola, tendo aprendido os comandos básicos, criação de boot pens e recuperação de sistemas windows via linux. As distribuições que usei inicialmente foram o Ubuntu, o Kurumin e o Mandrake (já descontinuados), mas não dei continuidade depois de terminar o curso, talvez por falta de incentivos, não sei.

Depois de uns bons anos, voltei a experimentar uma distribuição Linux, que na altura foi Ubuntu 12.04 e apartir dai até hoje.

Portanto, todos os videos, artigos e podcast que faço, têm como objetivo ensinar e mudar mentalidades, mudar a forma como as pessoas em geral encaram o Linux e mostrar que existem alternativas ao que é tradicionalmente usado. Este percurso foi o que me levaram a fundar o LinuxTech.pt - https://linuxtech.pt/