AnálisesHardware

NZXT H700i Matte Black [Caixa de computador]

A NZXT H700i marca a opção Full ATX da marca nas caixas inteligentes e elegantes. Com recurso a um Smart HUB com funções similares aos HUE +, é possível não só controlar as AER e fitas de led (incluídas na caixa) da primeira geração como também aceder ao Adaptativo Noise, a componente inteligente das caixas.

As linhas são muito simples e funcionais, com uma caixa cheia de detalhes para facilitar a instalação e manutenção do nosso precioso computador. As laterais, uma de vidro temperado e outra de chapa completa, são fáceis de remover e permitem uma visão magnífica e manutenção rápida, respectivamente.

Outra grande novidade é o sistema de organização dos cabos, que para nós continua a ser um dos grandes truques da linha. Pelo meio ainda encontram uns toques de modularidade, com várias opções para colocar os discos e ventoinhas.

A refrigeração deste modelo é extensa, com diversas opções para agradar a todos os gostos, seja em aircooling ou watercooling. A nossa escolha foi testar este produto no nosso projeto de modding NZXT H700i Origins, com necessidade de modificação da frontal da caixa e onde explorei um pouco mais a caixa.

Podem ver este produto on-site aqui: NZXT H700i

Condições de teste
Hardware
Componentes:
NZXT H700i (preta)
MSI Gaming Z370 PC PRO
Intel i3 8100
MSI GTX 1060 3GB
Corsair Vengeance LPX (4x4GB) 3000Mhz
Cooler Master MasterWatt Lite 500W

Coldware:
# SilentiumPC Fera 3 (com pintura personalizada)
# Frontal (3x 120mm)
# Topo (2x 120mm)
# Traseira (1x 140mm)

Modificações:
# Grelha frontal com acrílico OPAL white
# Grelha 140mm custom (ventoinha traseira)
# Grelha 240mm custom (2x ventoinhas do topo)
# Sleeving CableMod em cobre

Dados sobre o produto
Tipo de produto: Caixa Mid Tower
Segmento: ATX Full Tower
Função/utilização alvo: PC Building e Modding
Gama da preços: Aproximadamente 150€ @ NZXT H700i
Versão em teste: Matte Black

Conclusão
A NZXT H700i é uma ótima caixa para quem ama hardware, mexer nele e o contemplar, graças às linhas cuidadas e grandes painéis laterais. Na nossa necessidade de modificar a caixa, os painéis da frente e topo não provaram ser os mais rápidos de remover, mas são depois muito fáceis de trabalhar. O resultado final do nosso H700i Origins espelha muito bem a capacidade desta caixa de simplesmente e com baixo orçamento, ser manipulável para o nosso gosto. Fazer manutenção é do mais simples que existe, com a lateral esquerda a sair ao toque de um botão na traseira. O sistema de cabos faz as opções de outras marcas parecerem soluções improvisadas, e um ponto extra para os filtros de pó fáceis de remover.
A H700i é a versão grande desta linha, existindo ainda a H500 (ATX normal) e H200 (mITX) que partilham muitas das características e vós convido a conhecer.

NZXT H700i Matte Black

~150€
9.3

Qualidade construção

10.0/10

Design

10.0/10

Aircooling

8.0/10

Watercooling

8.0/10

Modding

9.0/10

Ruído

9.0/10

Cablagem

10.0/10

Instalação

10.0/10

Opções de personalização

9.0/10

Extras e funcionalidades

10.0/10

Prós

  • Design premium
  • Apto para pcbuilders iniciantes
  • Grande capacidade para cooling
  • Caixa fácil de modificar com muitos painéis lisos

Contras

  • Formato da frontal pode comprometer a refrigeração
  • Pode não ser simples configurar o Adaptative Noise
Previous post

MMD lança o novo Philips 272B1G, um monitor focado na sustentabilidade

Next post

Dia Mundial do Wi-Fi 2020: Cinco dicas da devolo para um Wi-Fi melhor

Luís Alves

Luís Alves

Cargo: Fundador & CEO
Naturalidade: Santa Maria da Feira

Atualmente no 5º ano do Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica na FEUP (especialização Automação), licenciado em Engenharia Mecânica pelo IPV.

Sou o moda’a’foca original, um dos guru do modding e tecnologia em Portugal. Desde novo autodidata, sempre gostei de criar, inventar e inovar. Na base tecnológica gosto além do modding, de sistemas de refrigeração a água, hardware e um novo fascínio pela impressão 3D. Considero bastante importante a partilha de conteúdos e conhecimentos.

Desde Abril de 2014 podem também me encontrar na Rubrica PLUG da revista PCGuia todos os meses. Em Julho de 2017 fundei as Hashtag Dondoca, um projeto de Lifestyle no feminino em português onde sou director artístico.